Caros utilizadores! Todos os materiais neste site são traduções de outros idiomas. Pedimos desculpas pela qualidade dos textos, mas esperamos que venham a tirar partido deles. Com os melhores cumprimentos, A administração do site. E-mail: [email protected]

O que é uma hemorragia intracerebral?

A hemorragia intracerebral ocorre quando o sangue de repente vaza no cérebro, causando danos ao tecido cerebral.

Uma hemorragia intracerebral é uma emergência potencialmente fatal, que requer atenção médica imediata.

O que é uma hemorragia intracerebral?

Esqueleto humano de raio-x com cérebro

Uma hemorragia intracerebral ocorre após um vaso sanguíneo irromper no cérebro, inundando o tecido cerebral com sangue.

O excesso de sangue no cérebro causa um acúmulo de pressão, que pode danificar as células do cérebro. Nos casos em que o sangue se acumula muito rapidamente, uma pessoa pode desmaiar ou morrer.

Uma hemorragia intracerebral pode ocorrer em algumas áreas diferentes do cérebro. Os locais mais comuns incluem:

  • Gânglios basais
  • cerebelo
  • tronco cerebral
  • córtex

Alguns dos sintomas iniciais podem incluir

  • fraqueza
  • paralisia parcial do corpo
  • dor de cabeça
  • confusão

É vital que uma pessoa com sintomas de uma hemorragia intracerebral procure atendimento médico o mais rápido possível.

Tratar uma hemorragia intracerebral envolve uma resposta rápida para parar o sangramento e potencialmente drenar o sangue. Dependendo da quantidade de danos e onde a hemorragia está localizada no cérebro, uma pessoa pode necessitar de cuidados de longo prazo.

Causas e fatores de risco

Hemorragias intracerebrais podem ocorrer em qualquer pessoa em qualquer idade. No entanto, pessoas com pressão alta têm um risco maior de desenvolver uma hemorragia intracerebral.

A hipertensão arterial, particularmente a hipertensão arterial não realizada ou não tratada, é a causa mais comum de hemorragia intracerebral.

Muitas pessoas não sabem que têm pressão alta, pois muitas vezes não tem sintomas e não é diagnosticada até o check-up para outro problema médico.

Para pessoas mais jovens, que são menos propensas à pressão alta, vasos sangüíneos anormais no cérebro podem causar uma hemorragia intracerebral.

Causas menos comuns de hemorragias intracerebrais incluem:

  • trauma ou traumatismo craniano
  • tumor
  • uso de diluentes de sangue
  • aneurisma cerebral rompido
  • problemas com coagulação do sangue
  • abuso de drogas
  • doenças do sangue, como anemia falciforme

O risco de uma pessoa com hemorragia intracerebral pode aumentar com a idade, especialmente porque a pressão alta é mais comum em adultos mais velhos.

Uma pessoa pode reduzir o risco de desenvolver uma hemorragia intracerebral por:

  • controlando diabetes
  • desistir ou nunca fumar
  • gestão e tratamento de doenças cardíacas
  • exercício regularmente
  • comendo uma dieta saudável
  • tratar a pressão alta

Sintomas

Existem muitos sintomas potenciais de uma hemorragia intracerebral. Alguns deles parecem relativamente inofensivos, como uma dor de cabeça.

No entanto, é importante estar ciente de alguns dos sinais e sintomas mais reveladores. Esses sintomas podem incluir:

homem idoso confuso sendo consolado pela filha

  • dor de cabeça súbita e intensa
  • dificuldade em falar
  • dificuldade em entender os outros
  • súbita incapacidade de escrever ou ler
  • formigamento súbito ou fraqueza em um braço, perna ou um lado do rosto
  • delírio
  • perda de consciência
  • fadiga extrema
  • náusea ou vômito
  • perda de equilíbrio
  • problemas de visão em um ou ambos os olhos
  • confusão
  • perda de coordenação

Se uma pessoa experimenta algum dos sintomas acima, eles exigem atenção médica imediata. Sangrar no cérebro é uma emergência médica com risco de vida.

Diagnóstico

Um médico geralmente olha dentro do cérebro usando uma tomografia computadorizada ou ressonância magnética para ver se há sangramento e para encontrar a causa. Os médicos usam esses exames de imagem para determinar se a pessoa tem sintomas de uma hemorragia intracerebral ou de outra condição, como um derrame.

Em alguns casos, um médico pode usar um angiograma para procurar anormalidades nas células do sangue da pessoa. Um angiograma usa raios-X para observar os vasos sanguíneos.

Finalmente, um médico pode pedir exames de sangue. Os exames de sangue podem ser usados ​​para ajudar a determinar outras causas subjacentes, incluindo doenças auto-imunes ou problemas de coagulação do sangue.

Tratamento

dois consultores olhando para o cérebro MRI

Existem dois tipos de tratamento para uma hemorragia intracerebral: imediata e a longo prazo.

Em geral, uma pessoa terá um resultado melhor se for tratada dentro de 3 horas após o início da hemorragia. Quanto mais tempo uma pessoa fica sem tratamento, maior a probabilidade de sofrer sérias complicações, incluindo a morte.

O tratamento imediato para uma hemorragia intracerebral geralmente inclui o controle da pressão arterial e do sangramento. Às vezes pode exigir cirurgia.

Durante a cirurgia, o médico removerá o coágulo de sangue, reparará as artérias danificadas e aliviará a pressão sobre o cérebro.

Uma pessoa também precisará de medicação para tratar sintomas imediatos, como dor de cabeça e pressão alta. Um médico também irá prescrever medicamentos anti-convulsivos, que podem ser tomados por meses ou até anos.

Para cuidados de longo prazo, uma pessoa pode precisar de medicação para controlar a pressão alta e reduzir o risco de uma futura hemorragia.

O tratamento adicional irá variar dependendo da quantidade de dano ao cérebro. Terapia ocupacional pode ser necessária para ajudá-los a recuperar o controle muscular e reduzir a dependência dos outros.

Terapia da fala pode ser necessária para permitir que uma pessoa recupere a capacidade de se comunicar com os outros.

Like this post? Please share to your friends: