Caros utilizadores! Todos os materiais neste site são traduções de outros idiomas. Pedimos desculpas pela qualidade dos textos, mas esperamos que venham a tirar partido deles. Com os melhores cumprimentos, A administração do site. E-mail: [email protected]

Quais alimentos você deve ingerir se tiver pancreatite?

A pancreatite é uma condição grave que ocorre quando o pâncreas fica inflamado. O pâncreas é um órgão que produz insulina e enzimas digestivas. As mesmas enzimas que ajudam na digestão podem às vezes ferir o pâncreas e causar irritação. Essa irritação pode ser de curto ou longo prazo.

Certos alimentos podem piorar a dor abdominal causada pela pancreatite. É importante escolher alimentos que não piorem os sintomas e causem desconforto durante a recuperação da pancreatite.

Leia para saber mais sobre os melhores alimentos para comer e os que devem ser evitados durante os episódios de pancreatite.

Melhores alimentos para comer para pancreatite

Tigela de lentilhas e feijão para dieta de pancreatite.

O primeiro tratamento para pancreatite, por vezes, exige que uma pessoa se abstenha de consumir todos os alimentos e líquidos por várias horas ou mesmo dias.

Algumas pessoas podem precisar de uma maneira alternativa de obter nutrição se não puderem consumir as quantidades necessárias para que seu corpo funcione adequadamente.

Quando um médico permite que uma pessoa coma novamente, é provável que recomende que a pessoa faça pequenas refeições com freqüência ao longo do dia e evite fast food, frituras e alimentos altamente processados.

Aqui está uma lista de alimentos que podem ser recomendados e por quê:

  • legumes
  • feijões e lentilhas
  • frutas
  • grãos integrais
  • outros alimentos à base de plantas que não são fritos

Esses alimentos são recomendados para pessoas com pancreatite porque tendem a ter naturalmente pouca gordura, o que facilita a quantidade de trabalho que o pâncreas precisa fazer para ajudar na digestão.

Frutas, legumes, feijões, lentilhas e grãos integrais também são benéficos devido ao seu conteúdo de fibras. Comer mais fibras pode diminuir as chances de ter cálculos biliares ou níveis elevados de gorduras no sangue chamadas triglicerídeos. Ambas as condições são causas comuns de pancreatite aguda.

Além da fibra, os alimentos listados acima também fornecem antioxidantes. A pancreatite é uma condição inflamatória e os antioxidantes podem ajudar a reduzir a inflamação.

Carnes magras

As carnes magras podem ajudar as pessoas com pancreatite a satisfazer suas necessidades proteicas.

Triglicéridos de cadeia média (MCTs)

Para pessoas com pancreatite crônica, a adição de MCTs à sua dieta pode melhorar a absorção de nutrientes. As pessoas costumam consumir MCTs em forma de suplemento como óleo MCT. Este suplemento está disponível online sem receita médica.

Lista de alimentos a evitar com pancreatite

Bebidas alcoólicas em garrafas alinhadas no balcão.

Álcool

Beber álcool durante um ataque agudo de pancreatite pode piorar a condição ou contribuir para a pancreatite crônica.

O uso crônico de álcool também pode causar altos níveis de triglicérides, um importante fator de risco para pancreatite.

Para as pessoas cuja pancreatite crônica é causada pelo abuso de álcool, o consumo de álcool pode resultar em problemas graves de saúde e até morte.

Alimentos fritos e alimentos ricos em gordura

Alimentos fritos e alimentos ricos em gordura, como hambúrgueres e batatas fritas, podem ser problemáticos para pessoas com pancreatite. O pâncreas ajuda na digestão da gordura, por isso os alimentos com mais gordura fazem o pâncreas trabalhar mais.

Outros exemplos de alimentos ricos em gordura para evitar, incluem:

  • lacticínios
  • carnes processadas, como salsichas e salsichas
  • maionese
  • batata frita

Comer esses tipos de alimentos processados ​​e com alto teor de gordura também pode levar a doenças cardíacas.

Carboidratos refinados

A nutricionista registrada Deborah Gerszberg recomenda que as pessoas com pancreatite crônica limitem a ingestão de carboidratos refinados, como pão branco e alimentos ricos em açúcar. Carboidratos refinados podem levar o pâncreas a liberar maiores quantidades de insulina.

Alimentos que são ricos em açúcar também podem aumentar os triglicerídeos. Níveis elevados de triglicérides são um fator de risco para pancreatite aguda.

Dicas de dieta para se recuperar da pancreatite

Pessoas em recuperação de pancreatite podem achar que toleram refeições menores e mais frequentes. Comer seis vezes por dia pode funcionar melhor do que comer três refeições por dia.

Uma dieta de gordura moderada, fornecendo cerca de 25% das calorias provenientes de gordura, pode ser tolerada por muitas pessoas com pancreatite crônica.

A Cleveland Clinic recomenda que as pessoas que se recuperam de pancreatite aguda coma menos de 30 gramas de gordura por dia.

Dicas de prevenção

Certos fatores de risco para pancreatite, como histórico familiar, não podem ser alterados. No entanto, as pessoas podem alterar alguns fatores de estilo de vida que afetam o risco.

A obesidade aumenta o risco de pancreatite, portanto, alcançar e manter um peso saudável pode ajudar a diminuir o risco de desenvolver pancreatite. Um peso saudável também reduz o risco de cálculos biliares, que são uma causa comum de pancreatite.

Beber grandes quantidades de álcool e fumar também aumenta o risco de uma pessoa sofrer pancreatite, por isso, o corte ou evitação pode ajudar a prevenir a doença.

Outras opções de tratamento

Suplementos de vitaminas e minerais sendo derramados na palma da mão de pessoas.

O tratamento da pancreatite pode envolver hospitalização, fluidos intravenosos, medicamentos para a dor e antibióticos. Um médico pode prescrever uma dieta com baixo teor de gordura, mas as pessoas que não conseguem comer por via oral podem precisar de uma maneira alternativa de receber nutrição.

Cirurgia ou outros procedimentos médicos podem ser recomendados para alguns casos de pancreatite.

Pessoas com pancreatite crônica podem ter dificuldade em digerir e absorver certos nutrientes. Essas questões aumentam o risco de a pessoa ficar desnutrida. Pessoas com pancreatite crônica podem precisar tomar pílulas de enzimas digestivas para ajudar na digestão e na absorção de nutrientes.

Dependendo da pessoa, certos suplementos vitamínicos podem ser recomendados. Suplementos podem incluir o seguinte:

  • multivitamínico
  • cálcio
  • ferro
  • folato
  • vitamina A
  • vitamina D
  • vitamina E
  • vitamina K
  • vitamina b12

As pessoas devem perguntar ao seu médico se devem tomar um multivitamínico. Consumir quantidades adequadas de líquidos também é importante.

Também é importante falar com um médico antes de começar a tomar suplementos, como o óleo MCT.

Outlook

De acordo com o Instituto Nacional de Diabetes e Doenças Digestivas e Renais, a pancreatite aguda geralmente se resolve após alguns dias de tratamento. No entanto, alguns casos de pancreatite aguda podem ser mais graves e envolver uma longa internação hospitalar.

A pancreatite crônica é uma doença de longa duração que pode danificar permanentemente o pâncreas.

É essencial procurar atendimento médico para pancreatite, pois tanto as formas agudas quanto as crônicas podem ter sérias complicações.

Seguir as recomendações dietéticas pode ajudar as pessoas a melhorar os sintomas da pancreatite e permitir uma recuperação mais rápida em alguns casos.

Like this post? Please share to your friends: