Caros utilizadores! Todos os materiais neste site são traduções de outros idiomas. Pedimos desculpas pela qualidade dos textos, mas esperamos que venham a tirar partido deles. Com os melhores cumprimentos, A administração do site. E-mail: [email protected]

O que causa os desejos de comida?

Um desejo de comida é um desejo intenso por um alimento específico. Esse desejo pode parecer incontrolável, e a fome da pessoa pode não ser satisfeita até que consiga aquela comida em particular.

Alguns especialistas acreditam que os desejos por comida duram apenas cerca de 3 a 5 minutos.

Cada pessoa experimenta desejos de forma diferente. Os desejos são muitas vezes para junk foods e alimentos processados ​​ricos em açúcar, sal e gordura.

Os desejos por comida são um grande obstáculo para as pessoas que tentam manter um peso saudável ou mudar para uma dieta mais saudável. Felizmente, existem alguns passos simples para lidar com esses desejos.

Causas

Mulher olhando para o bolo.

Os desejos por comida são causados ​​pelas regiões do cérebro responsáveis ​​pela memória, prazer e recompensa.

Um desequilíbrio de hormônios, como a leptina e a serotonina, também pode causar desejos por comida. Também é possível que os desejos por comida sejam devidos a endorfinas que são liberadas no corpo depois de alguém ter comido, o que espelha um vício.

Emoções também podem estar envolvidas na produção de um desejo por comida, especialmente se uma pessoa comer por conforto.

As mulheres grávidas experimentam desejos especialmente fortes, o que pode ser devido a alterações hormonais que podem perturbar o seu gosto e cheirar os receptores.

Há também a possibilidade de uma conexão entre os desejos e nutrientes. Esta é a ideia de que o corpo precisa de certos alimentos porque não possui certos nutrientes.

O desejo pode ser seletivo ou não seletivo.

Os desejos seletivos são desejos por alimentos específicos, que podem ser a barra de chocolate favorita de uma pessoa, um hambúrguer específico de seu restaurante favorito ou um pacote de batatas fritas.

A fome não seletiva é o desejo de comer qualquer coisa. Pode ser o resultado de uma verdadeira fome e fome, mas também pode ser um sinal de sede. Beber água pode ajudar com desejos intensos não seletivos.

Reduzindo os desejos

Há uma variedade de maneiras de reduzir os desejos indesejados de comida. Esses incluem:

Reduzindo os níveis de estresse

Mulher grávida olhando para geladeira à noite.

O estresse e a alimentação emocional podem influenciar uma variedade de problemas de saúde. Sentir-se estressado pode promover uma alimentação emocional e desejos por comidas de conforto.

Um estudo descobriu que mulheres estressadas são mais propensas a desejos por doces do que mulheres sem estresse. Comer devido ao estresse também pode causar ganho de peso e uma maior circunferência do quadril.

O estresse também pode causar ganho de peso por conta própria, sem necessidade de comida extra. O estresse resulta em níveis mais altos de cortisol, o hormônio do estresse, que pode promover a gordura da barriga.

Beber muita água

A fome e a sede podem produzir sensações muito semelhantes na mente, fazendo com que ela se torne confusa. Uma das maneiras mais fáceis de reduzir os desejos de comida é certificar-se de que o corpo está hidratado durante todo o dia.

Beber bastante água ajuda a limpar as toxinas do corpo, o que também pode beneficiar o bem-estar geral de uma pessoa.

Dormindo o suficiente

Um estudo de 2013 descobriu que não dormir o suficiente poderia alterar o equilíbrio hormonal do corpo. Este desequilíbrio contribui para excessos e ganho de peso.

Os pesquisadores notaram que, quando os participantes privados de sono mudavam para um horário adequado de sono, eles perdiam peso, o que indica que seus hormônios voltaram ao equilíbrio.

Comendo bastante proteína

Uma dieta saudável deve conter muitas fontes magras de proteína, pois elas podem ajudar a reduzir os desejos.

Um estudo da revista descobriu que os homens com sobrepeso eram capazes de reduzir seus desejos em até 60% obtendo 25% de sua ingestão calórica diária de proteína.

O mesmo estudo descobriu que uma dieta rica em proteínas ajudou a reduzir em 50% o desejo por lanches noturnos.

Goma de mascar

Goma de mascar mantém a boca ocupada e pode ajudar a reduzir os desejos doces e salgados.

Um estudo descobriu uma diferença pequena, mas significativa, no consumo de salgadinhos doces e salgados entre as pessoas que mascavam chiclete e as que não mastigavam. Aqueles que mascavam chiclete classificaram-se com menos fome, tinham menos desejos por lanches e se sentiam mais cheios do que aqueles que não mascavam chiclete.

Mudando o cenário

Homem no parque.

A substituição de hábitos pode ser difícil, e alguns desejos de comida podem ser causados ​​por hábitos de longo prazo. Por exemplo, se alguém receber fast food a caminho do trabalho todos os dias, essa prática pode reforçar seus desejos.

Em situações como essas, é melhor começar novos hábitos. Isso pode ser tão fácil quanto levar uma nova rota para casa do trabalho ou parar no parque para uma caminhada rápida.

Para os desejos em casa, pode ajudar dar uma volta no quarteirão, tomar um banho ou até mesmo ligar para um amigo. Essas coisas podem ajudar a distrair uma pessoa de seu desejo por tempo suficiente para que ela desapareça.

Evitando a fome

Uma dieta saudável não inclui fome freqüente. De fato, a falta de comida pode piorar os desejos por comida.

Quando o corpo está com muita fome, pode desejar mais alimentos ricos em calorias do que o habitual, incluindo alimentos fritos e processados.

Em vez de esperar por sentimentos intensos de fome, é melhor ter um padrão regular de refeições e lanches saudáveis ​​planejados ao longo do dia para evitar possíveis desejos.

Porções de controle

Para algumas pessoas, evitar completamente a comida que desejam pode tornar esses desejos piores. Isso pode levar a excessos ou sentir-se infeliz sem essa comida. Nesse caso, pode ser melhor satisfazer os desejos com um tratamento pequeno e controlado por uma porção.

Pode ajudar a colocar este tratamento no final de um hábito saudável, como caminhar ou completar uma rotina de exercícios.

Se uma pessoa é propensa a compulsão alimentar, a melhor opção é substituir o desejo por completo.

Substituindo os desejos

Em alguns casos, as pessoas podem facilmente satisfazer seus desejos de comida, escolhendo uma opção mais nutritiva.

Alternativas para alguns dos alimentos mais comuns que as pessoas anseiam incluem:

Batatas fritas: Para evitar batatas fritas, substitua-as por um lanche salgado que seja mais rico em gorduras e proteínas saudáveis, como castanhas de caju e nozes. Nozes são ricos em calorias, no entanto, e as pessoas devem comê-los com moderação. A pipoca também é um bom substituto para as batatas fritas.

Chocolate: Os desejos por chocolate podem ser uma necessidade de magnésio, e algumas pessoas acham que podem satisfazer o desejo comendo alimentos ricos em magnésio, como amêndoas. Se nada além de chocolate servir, opte por chocolate escuro sem leite que contenha pelo menos 70% de cacau. A intensidade do chocolate amargo torna mais fácil sentir-se satisfeito com menos.

Doces ou doces: Os desejos de açúcar podem ser facilmente satisfeitos com frutas inteiras, como pêssegos, cerejas ou melão. Manter frutas secas, como ameixas ou passas, pode também ser útil para combater os desejos em trânsito.

Refrigerante: Água com gás com um pouco de suco de fruta ou uma fatia de laranja pode substituir o desejo por refrigerante. Ele fornece uma sensação semelhante ao refrigerante, mas tem menos calorias e sem cafeína.

Queijo: Os desejos de queijo podem ser ajudados antecipadamente pela compra de queijos com baixo teor de gordura e baixo teor de sódio. Algumas pessoas também gostam de levedura nutricional em sua comida, que tem um sabor salgado, queijo e menos calorias do que queijo. Levedura nutricional é rica em vitaminas do complexo B e ácido fólico, e é muitas vezes fortificada com vitamina B12.

Like this post? Please share to your friends: